MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Drivers para Headset Bluetooth x64 (Bluetooth device driver)

É impressionante como coisas que em geral são simples podem nos surpreender.

Uma destas coisas é fazer funcionar um fone (headset) bluetooth de celular no Windows. Ao procurar achei dezenas de blogs e sites com gente precisando instalar e se batendo, e no meu caso pior ainda porque uso o Windows 7 64 bits. Tentei com os dois headsets, o H500 e o H900 da Motorola.

Bem, acabei que encontrei o driver no site da HP na parte de Windows XP x64 para máquinas Pavillion série DV. Abaixo está os drivers instalados, e agora ficou show !!!!  Agora posso ouvir musica ou outra coisa mesmo enquanto estou dando aula :)

Segue o driver:  Bluetooth x64 Driver.zip (1,54 mb) e as telas agora com o fone habilitado.

Posted: fev 11 2010, 18:41 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 5/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Windows 7

Astronauta tira fotos da IIS (Estação Espacial Internacional) e publica no Twitter

Eu vou sair um pouco fora dos temas de tecnologia, mas é muito interessante isso, mostra o alcance da internet !!!!

O astronauta abaixo tira as fotos, publica no Twitter e faz alguns comentários (http://twitter.com/Astro_Soichi).

O cara já tem 58 mil seguidores e eu vou ser mais um :) !!!!

 

Posted: fev 06 2010, 16:50 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Outros

Remote Desktop Services do Windows 2008 R2 em Domain Controller

Esta semana implantamos em uma empresa pequena o RDP do Windows 2008 R2, mas como a empresa utiliza apenas dois servidores (alem de firewall), obviamente os dois eram master e réplica do AD. O fato do servidor RDS ser um DC nos deu uma certa dor de cabeça.

SINTOMAS

  1. Não era possivel nenhum usuário se logar via RDP exceto o administrador. Os usuários já acessavam antes um servidor Windows 2003 que foi inutilizado, portanto não eram permissões.
  2. Não era possível imprimir pelo "Remote Desktop Easy Print" driver, a impressora era mapeada no servidor mas não saia na impressora fisica remota.

CAUSA

Obviamente, a causa era a mesma e fácil de se ver: As politicas de um Domain Controller não permitem acesso a usuários comuns nem no RDP nem na pasta SPOOL.

SOLUÇÃO

  1. Abra a GPO "Default Domain Controllers" Computer -> Windows Settings -> Local Policies -> User Rights e inclua o grupo "Remote Desktop Users" na politica Allow log...Remote Desktop Services. Com isso os usuários já poderão logar no servidor após executar o gpupdate /force no DC
  2. Resete as permissões na pasta de spooler (c:\Windows\System32\Spool) com o comando: Cacls.exe PRINTERS /e /g users:C 

Pronto !!!! Os usuários agora podem se logar no RDP e imprimem normalmente.

Se quiser mais detalhes do funcionamento da impressão no Windows 2008, recomendo o posto do ASK of Performance Team em http://blogs.technet.com/askperf/archive/2008/02/17/ws2008-terminal-services-printing.aspx.

Posted: fev 06 2010, 14:46 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Windows 2008

Licença de Software NFR (Not for Resale) pode ser usada na empresa?

No grupo de MCT Brasil surgiu esta duvida recentemente por causa das licenças de software que estão acompanhando o Windows 2008, SQL Server 2008 e o Windows 7 (http://www.marcelosincic.com.br/Blog/post/Cursos-de-Windows-2008-dao-copia-do-Windows-2008-Standart-full-(NFR).aspx) para quem faz cursos oficiais. Estas licenças são do tipo NFR, em bom portugues "não para revenda".

Achei interessante falar sobre isso porque mesmo entre os MCTs poucos souberam como funciona este tipo de licença, então seguem as informações que tenho e vale a pena prestar atenção para não correr o risco de ter a empresa multada: 

1    A licença é NFR (Not For Resale), o que significa que é uma cópia integral mas não pode ser repassada, ou seja, não pode ser comprada ou vendida por distribuidores. Isso evita que o aluno ou até o CPLS tente comercializar.

2.   NÃO PODE SER UTILIZADA em empresas, exceto para testes ou avaliação, o que se encaixaria muito bem no caso de utilização doméstica ou testes em ambiente da empresa.

3.   Isso vale para produtos especificados como NFR, no caso o SQL Server e Windows 2008 e do Windows 7 que acompanha o curso 6292.

 

Verifique para detalhes a EULA do SQL Server: http://msdnaa.oit.umass.edu/Neula.asp Not For Resale Software. Product identified as "Not for Resale" or "NFR" may not be resold, transferred, or used for any purpose other than demonstration, test, or evaluation.”

Lei geral de licenciamento de software: http://www.auditnet.org/articles/softwarelicenses.htm Not for Resale (NFR) Software License. These very specific and restricted licenses are made available by Software Vendors directly to the distribution channel software and are typically marked NFR with explicit conditions that it is NOT FOR RESALE. The NFR software is distributed as a promotional or sample product not licensed for normal commercial distribution.”

Posted: fev 04 2010, 15:48 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Outros | Windows

Recriando o boot no Windows 2008 R2 e Windows 7 apos o Disk2VHD

Esta semana utilizamos o Disk2VHD da SysInternals (http://www.marcelosincic.com.br/Blog/post/Ferramenta-para-converter-HD-fisico-(em-uso)-para-VHD.aspx) que é uma ferramenta excepcional para clonar máquinas em uso e criar um VHD. Porem, o Windows 2008 e Windows 7 criam uma partição de boot de 100MB, e ao clonar esta partição não funcionará corretamente.

SINTOMA

Depois de utilizar o Disk2VHD selecionando tanto a partição de boot (100MB) quanto a partição de sistema (no meu caso de 80GB) ao iniciar o SO no Hyper-V acusava "disk error or boot missing Ctrl+Alt+Del to restart".

CAUSA

A partição de boot não contem os arquivos corretos, já que mudou a controladora. Ela indica uma controladora e partição que agora não batem mais com a controladora e partições clonadas.

SOLUÇÃO

Você irá recriar a partição de boot completa e refazer as configurações de inicialização do SO:

Utilize o cd do Windows 7 ou do Windows 2008 R2 e faça boot por ele
Na tela inicial escolha a opção "Repair your System"
Na tela seguinte escolha a primeira opção das duas apresentadas
Escolha a ferramenta "Command Prompt"

Execute os comandos a seguir:
 dispart
 select disk 1
 list volume <verifique qual a partição de boot e a de SO pelo tamanho e anote as letras e numeros>
 select volume 0 <0 = numero da partição de boot , CUIDADO PARA NÃO ERRAR>
 format
 select volume 1 <1 = numero da partição do SO>
 active
 exit

Voltando ao command prompt digite:
 bcdboot c:\windows /s d:   <onde c: é a letra atribuida ao SO e d: a letra da partição de boot>

Nota: O comando que formata a partição de boot não é obrigatório, mas é melhor para que funcione corretamente. Você pode tentar primeiro apenas o comando bcdboot e tentar reiniciar a máquina para ver se o boot estava ok.

O comando bcdboot neste caso está lendo os arquivos do SO que está no diretório C:\Windows mas ao invés de criar o boot no próprio drive C estará criando no drive D que é a partição para o boot.

Posted: jan 29 2010, 14:18 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'atlanta'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

System Center Advisor (Projeto Atlanta)

Nos ultimos dias, por ocasião do MVP Summit e do MMC, a Microsoft demonstrou que está agressiva em sua migração de serviços para a nuvem com o lançamento do System Center Advisor Beta e do Intune (http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Familia-System-Center-Crescendo-Novidades-!!!.aspx)

O Atlanta é um produto que agrega o que o MBSA e outros BPAs (Best Practices Analyser) para fornecer um ambiente de monitoração em tempo real e atualizado.

O que o Atlanta herda do MBSA/BPAs são as features de best practices, análise de ambiente, lista de updates e outros. O que o diferencia é o fato de ser ativo e não passivo como o MBSA/BPAs.

Do SCOM o Atlanta herda as funcionalidades de alertas ativos do ambiente, com a vantagem de conter os KBs da Microsoft online, o que facilita em muito a resolução do de problemas. Por outro lado, o SCA não permite criar novos eventos e coletores como fazemos com o SCOM para monitorar aplicações in house.

Por enquanto o Atlanta apenas monitora os servidores com SQL Server e Windows Server mas está aberta a possibilidade de outros servidores serem agregados.

O cliente é baixado e instalado localmente nos servidores a serem monitorados e trabalha com um deles designado como proxy para fazer o papel de envio e recebimento de dados.

Seguem algumas telas para exemplo:

Atlanta1
Tela de configuração

Atlanta2
Tela de alertas inicial

Atlanta3
Tela com alertas de exemplo

Por enquanto o SCA está em beta gratuito basta entrar no site http://www.microsoft.com/systemcenter/en/us/Advisor.aspx para detalhes do produto e se cadastrar.

Posted: abr 05 2011, 14:42 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Familia System Center Crescendo... Novidades !!!

Os produtos da linha System Center estão mostrando as suas novas versões, antes chamadas de vNext e agora alguns como 2012 e outros com nomes oficiais. Diversas novidades vimos no MVP Summit em fevereiro, mas eram NDA até o lançamento das novas versões esta semana no MMC 2011.

O primeiro e o mais aguardado é o System Center Virtual Machine Manager 2012 (VMM 2012) BETA. Este produto reserva muitas alterações e implementações, principalmente levando em conta que sua ultima versão oficiai é VMM 2008 R2.

Uma das novas funções é o Fabric que permite criar ambientes com funções pré-programadas como por exemplo, Hyper-V, SQL, File Server, NAP e assim por diante. Imagine a situação de um datacenter onde eu ofereço ao cliente um pacote de funcionalidades do Windows Server. O Fabric permite que estas funcionalidades sejam mostradas como se fossem opções no momento da criação da VM sobre o template existe. Com isso eu uso o template do Windows Server 2008 R2 e seleciono os papéis que desejo e a VM é criada e por PowerShell o próprio VMM configura e habilita as features desejadas. Outra funcionalidade do Fabric é gerenciar os storages e produtos de terceiros.

Outra funcionalidade interessante é que o PRO Tips agora será integrado com as métricas do System Center Operations Manager (SCOM) e irá gerar os alertas de forma centralizada, permitindo muito mais interação entre o produto de monitoração e o VMM.

Este é um resumo dos itens que achei mais interessante, para ver mais detalhes e instalar o VMM 2012 veja este link:http://bit.ly/h0TGnT

O segundo produto mais aguardado da familia é o System Center Configuration Manager 2012 (SCCM) BETA 2. A interface foi finalmente remodelada deixando de lado os treeviews que vinham desde o SMS 2. Já discuti em outros posts as mudanças que este produto traz ainda com o nome de vNext.

Uma das mais interessantes funcionalidades que o SCCM 2012 tem é permitir que os agentes sejam configurados por coleção e não por site como acontece na versão atual (http://bit.ly/e5s4SE).

Para baixar o SCCM 2012 Beta 2 acesse o link http://bit.ly/f72TZw e aprenda desde já mais sobre este produto, que se aprimorou muito e deixou de lado o legado do SMS 2, como por exemplo, a versão 32 bits.

O terceiro produto que estava em beta e agora se tornou versão final é o Windows Intune, produto para gerenciamento de ambiente baseado em cloud. Muitas vezes simplificamos que o Intume é o SCCM cloud, porem ele tem uma visão diferente disso.

O Intune permite distribuição de software, inventário e outras opções que existem no SCCM, mas ele não tem contem algumas e acrescenta novas. Por exemplo, o Intune permite distribuir regras para as maquinas monitoras

Para utilizar o Intune por 30 dias ou licenciar para sua empresa acesse o link http://bit.ly/eR5uYb

O quarto produto lançado é o Windows Advisor BETA (PROJETO ATLANTA) que permite monitorar servidores Windows Server 2008 e SQL Server 2008 online. Não é o mesmo que o Intune já que este se destina a produtos especificos e servidores.

O interessante do Advisor (Atlanta) é que ele mescla funções do MBSA e BPA’s (Best Practices Analyser) com o monitoramento do SCOM. Ele não é um SCOM Cloud já que não tem tem todas as funcionalidades de customização, mas faz bem o trabalho.

Para o Advisor vou montar um laboratório e postarei detalhes em breve, mas o testdrive pode ser feito pelo link http://bit.ly/e2knwl

Por fim, o ultimo produto lançado da lista que eu achei importante é o Projeto CONCERO que ainda está em Beta fechado mas promete ser um ótimo produto.

O Concero resolve uma lacuna quando se inicia um processo de convivencia com cloud. Por exemplo, como gerenciar um grupo de servidores onde tres são on-premise e os outros dois estão no Windows Azure? Esta é a função do Concero, gerenciar ambientes mistos entre nuvem e on-premise de forma unificada.

Quando o produto se tornar aberto ao publico, com certeza postarei novidades. Dados sobre o produto podem ser visto em http://bit.ly/gl97BU

Alem destes ainda esperamos maiores detalhes do System Center Operations Manager 2012 (SCOM) e o System Center Data Protection Manager 2012 (DPM) todos nas suas versões vNext.

Login